Só na Urca…

abril 15, 2010

Assustou-se com um barulho na madrugada do temporal. Abriu a porta da varanda, guerreou contra o vento, deixou inundar a sala e achou no chão um pequeno embrulho. Abriu-o. Foi simpático ao coelhinho de chocolate que sorria, estático. Comeu-o rapidamente, antes que alguém pedisse pedaço, a luz elétrica incerta. Imaginou que o orelhudo fora arremessado do andar debaixo; viera atravessando a chuva e a gravidade. Escreveu um recado cheio de obrigados, bem educado que foi por família dinamarquesa. Amarrou-o à corda e lançou. Içou a corda, já molhada, sem bilhete. Disse-me que não conhecia a sexagenária vizinha, não fosse um alô de escada antes da Semana Santa. Só na Urca.

Anúncios

6 Respostas to “Só na Urca…”

  1. m.m. said

    Rapaz, em Santa também acontece algumas coisas que só tu vendo…

  2. E eu não sei!!!

    Abraços!

    D.

  3. só na urca se pensaria num coelho de baixo pra cima, isso é definitivo…

  4. Chico Alves said

    Eu sabia que rabo de coelho dava sorte, mas que fazia milagres a ponto de desafiar a gravidade não.Só na Urca mesmo.

  5. Belo Blog!
    Aguardo próximo texto mel. rs…
    Grande abraço,
    Gy

  6. Obrigado GY. o novo post na terça saindo do forno!!

    Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: